25 de janeiro de 2016

Vigilantes aprovam reajuste salarial

Os vigilantes participantes da assembleia realizada no auditório da Associação Comercial e Industrial de Londrina, no último sábado, aprovaram a proposta patronal de reajuste calculado de acordo com a inflação medida pelo INPC – Índice Nacional de Preços ao Consumidor mais um ganho real de 0,22% e vale-alimentação no valor de R$ 25,00 por dia trabalhado. O reajuste salarial é a soma da inflação de fevereiro a janeiro. O IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística deve divulgar o índice oficial de inflação entre após o dia 5 de fevereiro e aí teremos o valor exato da correção salarial. Os vigilantes receberão o novo piso no quinto dia útil de março. Várias pessoas divulgam o novo salário do vigilante, mas é apenas baseado em previsão da inflação, que se pode confirmar ou não.

21 de janeiro de 2016

Edital de convocação de Assembleia Geral Extraordinaria

Assembleia Geral Extraordinária dos vigilantes em empresas do setor patrimonial para o dia 23 de janeiro de 2016, às 9:00 horas em primeira convocação e às 9:30 horas em segunda convocação, no auditório da ACIL – Associação Comercial e Industrial de Londrina, localizado à Rua Minas Gerais, 297, primeiro andar, centro de Londrina/PR, para discutir os pontos de pauta: 1º- Contraproposta do sindicato patronal, com discussão e deliberação de aceite ou não. 2º- Outros assuntos. Orlando Luiz de Freitas - Presidente

21 de outubro de 2015

Assembleia de aprovação da pauta de reivindicação 2016/2017, em Londrina

Sindicato dos Empregados em Empresas de Segurança, Vigilância, Transportes de Valores e em Serviços Orgânicos de Segurança de Londrina e Região, pessoa jurídica de direito privado, com sede na Avenida Rio de Janeiro, 211 – sala 24, centro,  nesta cidade de Londrina - PR, por seu presidente adiante assinado, Sr. Orlando Luiz de Freitas, brasileiro, casado, vigilante, residente nesta cidade, nos termos do artigo n.º 53 do Estatuto da Entidade e artigo n.º 612 da CLT  convoca os trabalhadores do setor patrimonial das Empresas de Segurança, Vigilância para Assembleia Geral na cidade de Londrina no dia 31 de outubro, às 7:00 hrs em primeira convocação e às 7:30 hrs em segunda convocação e 19:30 hrs primeira convocação e 20:00 hrs em segunda convocação, no auditório do Sindicato dos Vigilantes, na Avenida Rio de Janeiro, 211 sala 31, com a participação dos trabalhadores das seguintes cidades: Londrina,  Cambé, Sertanópolis, Assaí, Jataizinho, Ibiporã e Tamarana,  para discutir e deliberar sobre os seguintes pontos de pauta: a) Discussão e aprovação da Pauta de Reivindicação 2016/2017, a ser negociada com o Sindicato das Empresas de Segurança Privada do Estado do Paraná, objetivo a celebração da Convenção Coletiva de Trabalho; b) Autorização para a Diretoria da entidade entabular negociação direta com a categoria econômica; c) Autorização para a Diretoria Administrativa da entidade outorgar instrumento de mandato para profissional advogado, uma vez frustrada a negociação direta ou na ocorrência de impasse, mesmo após a mediação, objetivando a interposição de Ação de Dissídio Coletivo; d) E outros assuntos. Londrina, 19 de agosto de 2015.  ORLANDO LUIZ DE FREITAS/Presidente

Assembleia de aprovação da pauta 2016/2017, em Ibaiti

Sindicato dos Empregados em Empresas de Segurança, Vigilância, Transportes de Valores e em Serviços Orgânicos de Segurança de Londrina e Região, pessoa jurídica de direito privado, com sede na Avenida Rio de Janeiro, 211 – sala 24, centro,  nesta cidade de Londrina - PR, por seu presidente adiante assinado, Sr. Orlando Luiz de Freitas, brasileiro, casado, vigilante, residente nesta cidade, nos termos do artigo n.º 53 do Estatuto da Entidade e artigo n.º 612 da CLT  convoca os trabalhadores do setor patrimonial das Empresas de Segurança, Vigilância para Assembleia Geral  na cidade de Ibaiti no dia 24 de outubro, às 9:00 hrs em primeira convocação e às 09:30 horas em segunda convocação, no salão paroquial, localizado à rua Shizuma Iyo, 260 – Vila Santo Antônio, com os trabalhadores das seguintes cidades: Ibaiti, Jaboti, Japira, Conselheiro Mairinck, Figueira, Curiúva e Sapopema;  para discutir e deliberar sobre os seguintes pontos de pauta: a) Discussão e aprovação da Pauta de Reivindicação 2016/2017, a ser negociada com o Sindicato das Empresas de Segurança Privada do Estado do Paraná, objetivo a celebração da Convenção Coletiva de Trabalho; b) Autorização para a Diretoria da entidade entabular negociação direta com a categoria econômica; c) Autorização para a Diretoria Administrativa da entidade outorgar instrumento de mandato para profissional advogado, uma vez frustrada a negociação direta ou na ocorrência de impasse, mesmo após a mediação, objetivando a interposição de Ação de Dissídio Coletivo; d) E outros assuntos. Londrina, 19 de agosto de 2015.  ORLANDO LUIZ DE FREITAS/Presidente

Foto assembleia de Santo Antonio da Platina, no último sábado